Terça-feira, Dezembro 10, 2019
Home > Últimas Notícias > Santiago 513: o mistério do avião que aterrissou 35 anos após decolar

Santiago 513: o mistério do avião que aterrissou 35 anos após decolar

Santiago 513: o mistério do avião que aterrissou 35 anos após decolar

O voo santiago 513 decolou da Alemanha Oriental com destino a Porto Alegre, no Brasil em 1954. Ele só foi pousar em 1989 e o que foi encontrado no interior da aeronave permanece um mistério.

Essa é a história do voo 513 da companhia aérea Santiago Airlines, algo que nunca foi confirmado por autoridades e é tratado como lenda, mas obteve boa repercussão fora do Brasil na época.

O avião Santiago 513 decolou em setembro de 1954 e perdeu contato em algum lugar no meio do oceano Atlântico.

Após algum tempo de busca, as autoridades desistiram de encontrar os restos da aeronave e todos os passageiros foram declarados mortos.

A surpresa veio 35 anos depois, quando um avião estranho foi detectado voando próximo ao aeroporto de Porto Alegre.

SANTIAGO 513: A LENDA DO AVIÃO QUE POUSOU 35 ANOS APÓS DECOLAR
SANTIAGO 513: A LENDA DO AVIÃO QUE POUSOU 35 ANOS APÓS DECOLAR


A LENDA DO AVIÃO QUE POUSOU 35 ANOS APÓS DECOLAR

Segundo o jornal americano Weekly World News, a aeronave circundou o aeroporto da capital gaúcha algumas vezes e não fazia contato com a torre de comando.

Acabou pousando mesmo sem permissão, em uma manobra imprudente e estranha, fazendo com que autoridades fossem investigar ainda na pista de pouso.

Ao entrar no avião, a surpresa foi geral: a tripulação e os passageiros, ou melhor, apenas seus esqueletos, permaneciam sentados normalmente em seus lugares.

As investigações teriam sido encobertas pelas autoridades devido à gravidade do assunto.

Muita coisa não foi explicada, incluindo a procedência do avião, já que a companhia Santiago havia encerrado suas atividades ainda em 1956, apenas 2 anos após o desaparecimento.

Buracos de minhoca e viagens no tempo

As principais teorias sobre o assunto envolvem os chamados buracos de minhoca, objetos que foram apenas teorizados, sem sua existência atestada, que funcionariam como portais multidimensionais. Ao entrar em um buraco de minhoca, o indivíduo sairia em outro local do tempo e do espaço.

Um dos principais defensores dessa teoria na época foi o Dr. Celso Atello, investigador de fenômenos paranormais.

No entanto, a hipótese ainda não explica os esqueletos e o pouso do avião.

A história hoje é tratada como lenda urbana, mas a verdade é que o mistério do voo 513 permanece.

*Com informações de Edaily

Deixe um comentário