Conheça 8 benefícios liberados ao se cadastrar no CadÚnico

Início » Conheça 8 benefícios liberados ao se cadastrar no CadÚnico
O governo federal disponibiliza aos brasileiros um sistema de coleta de dados para a inclusão de vulneráveis em programas sociais. Estamos falando do Cadastro Único, mais conhecido popularmente apenas como CadÚnico.

Ao ter os dados pessoais registrados na plataforma, o cidadão tem a chance de participar do Bolsa Família, Benefício de Prestação Continuada (BPC), Tarifa de Energia Social, receber isenção na taxa de inscrição em concursos públicos e Enem, entre outras vantagens.

Apesar disso, ter a inscrição no CadÚnico não garante a inclusão automática na lista de benefícios. Ele apenas dá margem para o governo analisar os cadastros recebidos e assim oferecer o melhor apoio em políticas públicas ao cidadão cadastrado.

Condições para se inscrever no CadÚnico

O acesso ao banco de dados do governo é oferecido para as famílias de baixa renda, que ganham até meio salário mínimo (R$ 550) por pessoa ou famílias que ganham até três salários mínimos de renda mensal total (R$ 3.300).

Lista de 8 programas sociais do CadÚnico

Veja a seguir alguns benefícios oferecidos pelo programa, que possui ações voltadas para diversos públicos:

1. Projovem Adolescente

Ação é direcionada para jovens com idades entre 15 e 17 anos inscritos no programa Bolsa Família ou que estão em situação de vulnerabilidade social. Ele permite a integração do jovem brasileiro ao processo educacional, incluindo qualificação profissional para sua formação inicial e desenvolvimento humano.

2. Passe Livre para deficientes

Permite que pessoas com deficiência (PcD), seja física, mental e auditiva, recebam gratuidade no transporte coletivo interestadual.

3. Bolsa Família

Medida busca atender as famílias em situação de pobreza ou pobreza extrema, no repasse de valores mensais conforme a situação social da família. Seu intuito é garantir o direito à alimentação, além do acesso à educação e saúde.

4. Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI)

Objetiva proteger crianças e adolescentes menores de 16 anos, na tentativa de diminuir os índices de trabalho infantil no país. Ademais, um auxílio financeiro é pago ao responsável legal do menor.

5. Transporte gratuito para o idoso

A chamada Carteira do idoso possibilita ao cidadão da melhor idade o acesso gratuito em passagens interestaduais nos transportes rodoviários, além de desconto de no mínimo 50% em transportes ferroviários e aquaviários.

6. Desconto de Energia Elétrica

Denominada Tarifa Social de Energia Elétrica, a medida tem como objetivo oferecer descontos de até 60% na conta de luz para consumidores de baixa renda – neste caso, o máximo de consumo mês não deve ultrapassar 220 KWh.

7. Fomento às atividades Produtivas Rurais

Por meio da transferência de renda, a medida visa garantir a estruturação de atividades produtivas dos beneficiários, com a finalidade de promover a segurança alimentar e contribuir para o incremento dos seus rendimentos.

8. Programa Minha Casa Minha Vida

Oferece condições atrativas para quem busca financiar uma moradia. Em parceria com estados, municípios, empresas e entidades sem fins lucrativos, o programa possibilita a compra da casa própria a taxas de juros reduzidas e maior prazo para pagar.

Leia ainda: Daqui 15 dias: Auxílio emergencial já tem data para liberar primeira parcela


Com informações do site Edital Concursos Brasil